segunda-feira, 28 de junho de 2010

Nordestinos


Vieram amontoados em caminhões para ganhar um salário miserável na construção de edifícios. A indústria imobiliária não é indústria, mas um artesanato de tijolos e argamassa de cimento e pedras. Eles vieram para fazerem com suas mãos a Avenida Paulista, os prédios monumentais de Brasília e as ofertas do marketing imobiliário de Copacabana, Leblon, Ipanema, Barra da Tijuca.

Foram importados como matéria-prima de baixo preço e alojados em moradia degradante. Fizeram crescer as favelas do Rio porque os incorporadores preferiam que ficassem próximos das obras, pois assim poderiam pagar menos pelo seu trabalho. Discriminados como minoria, são alvo de movimentos neonazistas em São Paulo.

Um deles chegou a presidente da república, outros voltaram para sua pátria, onde morrem afogados por enorme volume de água, depois de tantos anos de seca.
Postar um comentário